O Maior Edifício Modular do Mundo

A Torre B2 em Nova Iorque, é o mais alto edifício modular do mundo. Com 32 pisos e 363 apartamentos construídos com tecnologia modular, este edifício residencial faz parte do gigantesco empreendimento de reabilitação urbana de Brooklyn, Atlantic Yards, de 5 mil milhões de dólares.

As várias divisões dos apartamentos do edifício B2 são constituídas por módulos pré-fabricados standard, com 45 m2 de área, que possuem pavimentos, instalações sanitárias e instalação elétrica. Os módulos são assemblados em fábrica, transportados até ao estaleiro de construção e elevados através de gruas até à posição final, de acordo com a tipologia de cada apartamento. Cerca de 1000 destas componentes modulares serão utilizadas na construção da torre.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A utilização de pré-fabricação massiva na construção deste edifício modular vai permitir uma redução de resíduos de construção que pode chegar aos 90% e uma poupança energética próxima dos 70% em comparação com a construção tradicional. A construção modular tem várias vantagens operacionais, incluindo a proteção dos operários das condições climatéricas e dos riscos do trabalho em altura, uma vez que a grande maioria do tempo, estes estão no interior dos módulos.

O projeto de Engenharia Civil é da autoria da ARUP  e a construção está a cargo de uma das maiores construtoras civis do mundo, a multinacional Skanska. O projeto de arquitetura é do atelier SHoP.

O B2 foi concluído no início de 2014 e é o primeiro de três edifícios com características similares a ser construído no âmbito do empreendimento Atlantic Yards. O custo de construção é de 117 milhões de dólares.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Engenhariacivil.com – Engenharia Civil na Internet (https://www.engenhariacivil.com/)

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *